Destaque, Notícia

Governo do Maranhão lança, em Mirador, campanha Maranhão sem Queimadas

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA), lançou nesta quinta-feira (20) no município de Mirador, a campanha Maranhão sem Queimadas. A campanha, em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) e o Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), é mais uma ação do Governo do Maranhão que objetiva o combate, a prevenção de queimadas e dos focos de fogo por todo o estado.

A baixa umidade do ar, o clima seco e o período de estiagem são forte fatores para o aumento das queimadas nas regiões mais áridas, além disso, queimadas ilegais e incêndios florestais são registrados com maior incidência nesse período do ano, ocasionando transtornos e prejuízos para toda a população. E, durante a pandemia do novo Coronavírus, esses transtornos podem ser agravados consideravelmente. Pensando nisso, o Governo do Maranhão lançou a campanha Maranhão sem Queimadas, que é um forte instrumento na política ambiental e da saúde do povo maranhense.

Parabenizo a fantástica equipe do Corpo de Bombeiros e aos combatente do Batalhão de Polícia Ambiental que estão em campo e estão tentando fazer o melhor trabalho possível tanto na contenção e na prevenção quanto na finalização dessas queimadas“.

Secretário Diego Rolim

De acordo com o Secretário de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais, Diego Rolim, agir em conjunto com os órgãos que compreendem o governo do estado foi fundamental para a realização do lançamento da campanha na cidade de Mirador, uma vez que esta é a porta de entrada para o Parque Estadual de Mirador. Para ele, “a campanha visa, acima de tudo, resguardar as florestas e tentar extirpar, de todo modo, as queimadas que afetam não só a sociedade, mas o meio ambiente como um todo,”afirmou.

Ainda segundo Diego, antes do lançamento da campanha, foi essencial a cooperação técnica entra a SEMA, CBMMA e a Defesa Civil, como forma de prevenção, a elaboração da sala de situação para coordenar a campanha Maranhão sem Queimadas, que conta ainda com o apoio da Secretaria de Agricultura Familiar (SAF) e Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (AGERP). Segundo Diego, “a sala de situação funciona como uma central de monitoramento para identificar os focos de queimadas e incêndios no estado do Maranhão. E, como a região do cerrado, onde está localizado o Parque Estadual do Mirador, é a região que nesse período começam os grandes focos, nós estamos com a atenção voltada para essa região. Obviamente que todo o estado está sendo completamente monitorado”, concluiu.

Durante o lançamento, o Corpo de Bombeiros apresentou os equipamentos utilizados na prevenção e combate às queimadas e incêndios florestais e as técnicas empregadas. Já o Batalhão do Polícia Ambiental aproveitou o momento para explicar sobre a atuação, em conjunto, no Parque do Mirador.

De acordo com o Tenente Holanda, chefe da equipe de missão em Mirador, o BPA vem atuando no combate aos ilícitos ambientais dentro do Parque e no seu entorno. Segundo ele, o BPA está “fiscalizando todo o Parque e dando apoio aos postos de fiscalização da que a SEMA mantém em toda a área do Parque. Já fiscalizamos algumas queimadas e já foram apreendidas algumas armas que seriam usadas para caça. Além disso, estamos fazendo autuações daqueles que estão cometendo crimes ambientais como caça ilegal, desmatamento e queimadas”, pontuou.

A campanha Maranhão sem Queimadas é um esforço em conjunto entra a SEMA, CBMMA e o BPA e conta com o apoio da Secretaria de Agricultura Familiar (SAF); Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (SAGRIMA); Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (AGERP); Instituto de Colonização de Terras (ITERMA); Agência Estadual de Defesa Agropecuária (AGED); Defesa Civil e prefeituras municipais.

Texto: Kleo Souza
Fotos: Marcelo Gomes