Destaque, Notícia

Maranhão registra menor número de queimadas desde 2002

queimadas jan 2020O Estado do Maranhão registrou 86 focos de queimadas no mês de janeiro deste ano, de acordo com a Supervisão de Desmatamento e Queimadas da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA). É o menor registro desde 2002.

O monitoramento das áreas é realizado via satélite e os dados são obtidos da plataforma do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – INPE, cujo Banco de Dados dos focos de queimadas são detectados pelos satélites NPP-375, AQUA_MT, TERRA_M-T, GOES-16, TERRA_M-M, AQUA_M-M, NOOA-18, METOP-B, NOAA-18D, MSG-03, NOOA-19.

Por ser uma ferramenta importante para elaboração de mapas temáticos, o monitoramento auxilia também na identificação de outras ações, como desmatamento e, a fim de obter maior precisão nos resultados e maior celeridade nas ações de fiscalização, a SEMA passou a contar com o Sistema de Monitoramento com uso de Imagens de Alta Resolução (3m) – Imagens da Planet, que utiliza mais de 130 satélites, com 04 bandas espectrais. Essas imagens são tratadas e confeccionados mapas temáticos sobre focos de queimadas utilizando os dados do INPE e uso do Qgis 3.6.

Focos queimadas 1998 a jan 2020 imagemAs queimadas causam sérios prejuízos à fauna e à flora, reduzindo a vegetação, diminuindo a fertilidade do solo e comprometendo a qualidade do ar, saúde humana provocando vários tipos de doenças, principalmente respiratórias.

Por isso, a SEMA realiza frequentemente fiscalizações pontuais, acompanhados do BPA – Batalhão Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros, Prefeituras, IBAMA, SAGRIMA, SAF e outros,  além do monitoramento e ações de Educação Ambiental, através dos programas Programa Fogo Zero (incêndio zero), Dia D contra as queimadas, palestras e fiscalizações, sempre buscando a melhor forma de monitoramento, controle e conscientização sobre as queimadas.

SUPERVISÃO DE DESMATAMENTO E QUEIMADAS

É responsável pelo monitoramento dos focos de queimadas no Estado do Maranhão e possui em seu Plano de Trabalho as seguintes ações: capacitações, realização de seminários, palestras, além da realização de eventos visando sensibilizar a sociedade em relação aos danos causados pelas queimadas.

A Supervisão também orienta, planeja, revisa e executa ações relacionadas às políticas de controle, combate e prevenção ao desmatamento, queimadas e incêndios florestais.

SOBRE O SATÉLITE PLANET

Com centenas de satélites em órbita a Planet é capaz de obter imagens com resolução de 3 metros de qualquer local da Terra diariamente.

As imagens Planet são obtidas pela constelação de satélites Dove que possuem o mesmo tipo de sensor, são adquiridas por mais de 130 satélites, com 04 bandas espectrais e resolução radiométrica de 12 bits, são ortorretificadas e possuem 3 metros de resolução espacial, o que permite obter imagens atuais de grandes áreas com alto padrão de qualidade e precisão planimétrica.

A capacidade de recobrimento de todo o Brasil várias vezes ao longo de 30 dias com o mesmo tipo de sensor poderá permitir o monitoramento detalhado da dinâmica de ocupação no País ao longo de cada mês. Esta capacidade garante também coberturas completas com baixos índices de cobertura de nuvem, bem inferiores aqueles normalmente estabelecidos pelos padrões normais de aquisição.

Nenhuma outra constelação de satélites atualmente em operação tem a capacidade de monitoramento e cobertura para aquisição de imagens de alta resolução e precisão planimétrica como a Planet.

As imagens Planet são adquiridas nas bandas do visível: azul, verde e vermelho e, também, no infravermelho próximo (NIR), favorecendo o monitoramento ambiental e o mapeamento de uso e cobertura do solo em similaridade com as bandas RapidEye.

Redação: Thaís Andrade
Imagens: Supervisão de Desmatamento e Queimadas